A importância do Projeto Hidrossanitário


O projeto hidrossanitário é composto pelo projeto hidráulico (água fria) e projeto sanitário (esgoto). Nesse projeto é feito o dimensionamento das tubulações do sistema de abastecimento de água e esgoto, das caixas de inspeção, de passagem e da rede de ventilação.


Fonte da imagem: https://www.lastoria.eng.br/


O que deve constar em um projeto hidrossanitário?

  1. Planta baixa.

  2. Cortes – detalhamento dos sistemas.

  3. Vistas tridimensionais das instalações – Facilita a visualização e execução do projeto.

  4. Memorial descritivo – Informações adicionais do projeto.

  5. Lista de materiais a serem utilizados.

  6. ART – Anotação de Responsabilidade Técnica.


Mas por que devo ter um projeto hidrossanitário?


Certamente você já se estressou com uma falta de água inesperada, aquele chuveiro fraco devido a pressão e vazão de água insuficiente ou com algum cano que estourou ou até mesmo com o mau cheiro vindo de seu ralo e tantos outros problemas advindos da falta de um planejamento hidrossanitário.

Frequentemente temos o costume de priorizar as economias a curto prazo, não dando devida atenção à possibilidade de prejuízos futuros, que podem acarretar em perdas maiores. Esse costume fica evidente nas construções civis, onde devido a falta de conhecimento da importância de um bom projeto essa etapa acaba sendo menosprezada.


Além de obrigatório por lei, o projeto hidrossanitário evita erros na construção e reforma de uma edificação, representando uma economia, a longo prazo, de tempo e dinheiro. Em circunstâncias futuras, no caso de reformas um projeto hidrossanitário é essencial, pois permite localização de tubulações, registro e da caixa d’água correspondente a cada sistema ou torneira. Com o projeto em mãos a economia eventualmente é garantida, além da execução correta da obra também.


Ainda não ficou convencido?


Confira algumas vantagens que vão te convencer a querer ter um projeto hidrossanitário.

  • Diminuição do risco de patologias

  • Mais conforto e segurança

  • Sem desperdício (Tanto na hora da obra quanto na conta de água.)

  • Evitar problemas futuros.

  • Manutenção e reformas facilitadas.


Mas como funciona na Engenium?


Na Engenium o projeto hidrossanitário é vendido separadamente ou em conjunto com os projetos arquitetônico e elétrico. O projeto é feito com a utilização de softwares BIM, onde é possível obter um maior grau de detalhamento com margem de erro quase nula. Além disso, caso seja realizado em conjunto com os outros projetos, estes passam por um processo de compatibilização o que faz com que se reduzam drasticamente as chances de erros e incompatibilidade de projeto. De modo que com a compatibilização dos projetos, são reduzidos os transtornos durante a construção do projeto.


Fonte da imagem: Projeto Edson, executado pela Engenium


Estudos indicam que 75% das patologias de uma construção são provenientes das instalações hidráulicas. Depois de tudo que você aprendeu sobre projeto hidrossanitário parece um ótimo investimento, não acha? Venha fazer seu orçamento gratuito conosco!

Referências


Projeto Hidrossanitário: por que é importante possuir um? - EPEC (epec-ufsc.com.br)

OS TRANSTORNOS CAUSADOS PELA AUSÊNCIA DO PROJETO HIDROSSANITÁRIO – EJEC – Arquitetura e Engenharia

https://www.arqonlinecursos.com.br/compatibilizacao-de-projetos-no-revit/


Quem escreveu esse blog?



11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo